Copa Norte. Atlético de Ecoporanga vence o Montanha na primeira partida da final

O Montanha apostará todas as suas fichas na partida da volta, no seu caldeirão, no próximo sábado, às 17h

O Atlético de Ecopranga derrotou o Montanha na primeira partida da final da Copa Norte

O Atlético venceu o Montanha em Ecoporanga

Jogando em casa,  no último sábado (16), o Galo Forte do Norte venceu por 2 a 1 e agora só depende do empate para levantar o troféu da competição. A partida de volta acontecerá no próximo sábado, dia 23, no estádio Dr Otto Reuter Lima, em Montanha, às 17h. Em caso de vitória do Dragão do Norte por 1 gol de diferença, a decisão irá para a disputa de pênaltis.

No jogo realizado sábado, em Ecoporanga, no estádio Guerino Dal Col, o Atlético iniciou buscando a vitória. A primeira oportunidade aconteceu aos 10 minutos. Stanley recebeu na grande área e chutou forte. A bola bateu em Fabiano, que evitou o gol da equipe de Ecoporanga.

Após o susto, o Montanha equilibrou a partida e teve a chance de marcar aos 23 minutos, em um chute forte de Júlio Cezar, da entrada da área. Aos 25 minutos pintou o primeiro gol do Atlético. Wesley recebeu e tocou na saída do goleiro Hiran. Aos 29 minutos, o Montanha chegou a marcar com Bombom, mas o árbitro, corretamente, marcou impedimento no lance. O empate do Dragão pintou aos 35 minutos. Ronicley penetrou na área e foi derrubado por Walderraine. O árbitro, em cima do lance, marcaou o pênalti. Na cobrança, Bombom deixou tudo igual.

Veio o segundo tempo e o jogo esquentou de vez. O Atlético foi em busca da vitória e aos 35 minutos pintou o segundo gol do Galo. Matheus Escala cobrou falta de longe, a bola passou pela barreira e entrou no cantinho do gol de Hiran, que nada pode fazer.

Com o apito final, os jogadores do Atlético comemoraram a vitória, que abriu a porta para tentar o título inédito no próximo jogo.

“Estou feliz por ajudar o Atlético na luta pelo título. O jogo foi equilibradíssimo. A nossa equipe está de parabéns”, acentuou Matheus Escala, autor do gol da vitória do Galo

Montanha aposta em seu caldeirão

O Montanha apostará todas as suas fichas na partida da volta, no seu caldeirão, no próximo sábado, às 17h.

O técnico Jean Carlos acredita que sua equipe irá render mais na segunda e decisiva partida da final. “Não há dúvidas que a equipe do Atlético é muito forte. Porém, em nossa casa quem vai ditar o ritmo somos nós. Conhecemos bem o nosso campo e ainda teremos a nossa torcida. Então, estou muito confiante no título”, disse.

O treinador observou que sua equipe foi muito bem e que merecia sair de Ecoporanga com um empate. “Vou fazer os ajustes necessários para voltarmos ao mesmo ritmo vitorioso que tivemos durante toda a Copa”, enfatizou.

O Meia Bombom também está muito otimista para o segundo e decisivo jogo. “O jogo da volta será de muitas emoções. Não vamos morrer na praia. Nosso grupo está mais unido do que nunca. Vamos conquistar a taça sem a necessidade da disputa de pênaltis”.      .

Torcidas fazem a festa

O primeiro duelo entre Atlético e Montanha agradou aos torcedores que estavam presentes em grande número no estádio Guerino Dal Col.

“Sábado tive o prazer de torcer pelo time de minha cidade e que gosto muito. Estou feliz, pois esta Copa Norte recuperou os instintos dos torcedores do interior a torcer pela equipe que representa a sua cidade”, disse o prefeito de Ecoporanga, Elias Dal Col.

Na opinião do taxista Clóvis Guedes, morador de Montanha a partida final será uma grande festa. “Tenho certeza que os moradores de Montanha e região irão lotar o caldeirão do Dragão do Norte e fazer uma festa bonita”.

A Copa Norte é organizada pela Liga de Desporto Capixaba (LDC) e conta com o apoio da Icone Sports e Sesport, além da cobertura da Rede Notícia.

Informações: A Notícia.